Páginas

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Transformers Brasil | Episódio 77


Episódio 77 | Os Servos Botões de Ouro Parte 3

Escrita por | Rafaela Trombini
Produção Executiva de | Ingrid Trombini
Direção de | Rafaela Trombini e Daniel Almeida


-Mais eu pensei...pensei que...
-Pensou que eu estava morta? Acho que foi isso que o Prowl disse depois de tentar me matar
-Eu sei que você merecia uma lição por ter feito aquilo com o Prowl, mais o que ele fez foi muito errado
-Parece que você está do meu lado então
-Não Katniss, estou do lado da justiça e o que tenho que fazer é te prender pelos seus crimes
-Ah não mesmo. Deixa eu controlar o mundo, depois você me prende na sua caminha hihi
-O Prowl tinha razão...você é uma descarada e eu nunca acreditei. Quando vi aquela cena...
-Que cena?
-Lembra aquele dia que perguntou pelo Mestre Yoketron?
-Sim e...
-Eu vi tudo que vocês dois fizeram
-O que...
-Isso mesmo. Vi cada cena, cada posição, cada canto. Me arrependo de até me lembrar disso
-Então não lembra ora
-Deveria ter contado para o Prowl
-Contar o que Jazz?

Prowl aparece depois de seu sono bom, e está sem as roupas de rei

-Prowless, cadê suas roupas de rei?
-Primeiro: Não me chama de Prowless Katniss e segundo que história é essa de não contar nada hein Jazz?
-Prowl...prepare-se, pois isso vai ser complicado até para mim
-Fale então
-SERVOS BOTÕES DE OURO, PEGUEM OS DOIS!!!!
-Prowl...o que são essas coisas?
-São os soldados da Katniss. Ela tinha roubado o fragmento que estava lá em casa
-Mais qual é a fonte dos soldados?
-O VASO!!!!
-Mais que vaso?
-Aquele vaso. Katniss o achou junto com um botão dourado. Quem bebe daquela água, vira seu servo
-Meu deus! Mais ela é uma bruxa
-Bruxa é pouco...ela é muito ruim
-Eu acho que se a gente tirar o fragmento do vaso, os soldados podem sumir
-Não sei se é uma boa ideia, mais vou confiar em você
-Vem vamos, temos que distrair esses soldados
-Eu distraio e você pega o fragmento
-Tá certo
-NÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃOOOOOOOOOOOOOO!!!!!!!! Não deixarei que ninguém toque o meu vaso NINGUÉM!!!!
-Está na hora de destruir esse vaso de uma vez por todas
-NÃO!!!!

Katniss vai em cima de Prowl e ele derruba o vaso cheio de água do mau em cima dela

-MAIS...MAIS...O QUE VOCÊ FEZ????
-Não acho o fragmento no vaso e essa água...ela é do mau e está em cima de mim
-Achou o fragmento Prowl?
-Ainda não. ACHEI!!!! Mais está...

Os soldados caem e viram areia

-O Que foi Prowl?
-Essa água é...é...
-...É do mau! Era a água perfeita para fazer os soldados botões de ouro
-Mais essa água...ela está negra, obscura está...está...ME COMENDO VIVO!!!! JAZZ ME AJUDA PEGUE UMA ÁGUA LIMPA!!!!
-Mais onde eu vou arranjar?
-PROCURA EM QUALQUER LUGAR
-Eu vou voltar, você vai ver

Na casa dos Autobots...

-Então é isso que vocês devem fazer, não serem tão idiotas de acreditar em uma besteira como essa
-Por quanto tempo vamos aguentar esse cara?
-Até o Jazz voltar
-Sentinel vem comigo!
-Jazz agora não estou dando uma lição nesses vagabundos que não fazem nada
-Mais é importante.
-Tá bem vamos, mais eu volto hein
-AI NÃO! – dizem todos

-Temos que correr o Prowl tá muito mau. Procura um pouco de água
-E Pra que? Pra eu me enferrujar?
-Não é hora de seus caprichos Sentinel. Tenho que salvar o meu amigo com você ou não
-Tá pode ir, eu não ligo pra ele mesmo.

-Água ,água, preciso achar água. Achei! Deve ser isso

Jazz se transforma em seu veículo super moderno e vai correndo para salvar o amigo

-AIIIIIIII!!!!!!
-Não falta muito para toda a água negra chegar na sua centelha e acabar com você de uma vez por todas
-EU CHEGUEI AMIGÃO!
-Jazz...anda...com isso
-NÃO VAI MESMO

Jazz cai mas a água cai em Prowl e a mancha vai sumindo

-Obrigado Amigão!
-Eu...eu...eu...voltarei VOCÊS VÃO VER!!!!

Depois...

-Jazz...você...iria me dizer algo que você viu nos tempos da academia?
-Sim. Eu tinha visto a Katniss e nosso mestre e...é melhor eu falar nos seu ouvido, tem criança lendo isso
-Eu sempre te disse que ela era uma safada, e você nunca quis acreditar, mais...por que não me contou antes?
-Fiquei com medo da sua reação, pensava que você não queria ser mais meu amigo
-Isso nunca Jazz, isso nunca

Nenhum comentário:

Postar um comentário