Páginas

quarta-feira, 4 de setembro de 2013

Trans "The Auto" Formers | Episódio 41

Episódio 41 | Team Athenia

Escrita por | Rovorys Trombini
Produção Executiva de | Ingrid Trombini
Direção de | Rafaela Trombini e Natália Santos

-Alô?
-Oi Prime, é a Sari. Se você tiver um tempo, eu queria que você viesse aqui. Quero lhe apresentar alguém.
-Sim, claro. Onde você está?
-Em uma fábrica chamada “Sistema Sumdac” em Chinatown. Apenas venha e se apresente. Meu pessoal, está esperando a visita.
-Mais quem iremos conhecer?
-O Meu pai. Ele quer te conhecer.
-Está bem. Estarei lá.

Vocês viram que começou em alto astral o bagulho, com Sari me ligando para eu ir lá que o pai quer me conhecer. O Pai dela deve estar doente coitado, mais enfim, é em Chinatown? Facinho, aqui pertinho. Chegando lá, nossa era grande esse laboratório, mais enfim, vamos para lá.

Nossa, ali dava para mais para uma casa de Apostas do que um laboratório. Bem, vamos lá então.

-ESTAMOS FECHADOS!!!!
-Nossa, que cara mal humorado. Calma cara eu só vim ver a Sari.
-Ah, suba aquela escada ali.
-Estúpido filho da puta.

Eu fui até a escada e...nooossa, é o Eustácio do Coragem, o Cão Covarde “Cachorro idiota!”, hehe. Quando cheguei lá eu vi um guarda nas escadas que estava me barrando.

-Eu sou Prime. Estou aqui para ver a Sari. Eu trabalho para o pai dela.
-Sim, esse é o caminho certo. Você conhece a maldição do pai dela?
-Bem, mais ou menos...ela me disse que ele tinha um problema, e por isso que ela admistra aqui. Mais siceramente, eu não sei.
-Ele é cego.
-Cego? Por isso...que Sari faz essas corridas.
-Sim, ela foi abençoada pelo dinheiro, quer juntar o que ganha das corridas, para curar a maldição do pai dela. É A Verruga da Sorte.
-Certo. Eu vou me lembrar disso.

Cheguei lá em cima e vi Sari trabalhando com os computadores e um homem com óculos escuros sentado com uma vara na mão.

-SARI!!!
-Sari, quem está aí?
-Olá Optimus. Pai, esse é o Optimus.
-Onde ele está? Quero falar com ele.
-Calma pai. Você precisa saber de uma coisa sobre ele.
-Que ele é cego?
-O Que? Como sabe?
-Um dos guardas me falou.
-Sei. E...vai lá falar com ele e cuidado, não tente ajudar ele. Ele gosta de ser idenpendente. Vai lá falar com ele.
-Venha aqui garoto.
-Olá senhor...
-Me chame de Isaac está bem? Antes de mais nada, eu preciso falar uma coisa e o que eu fazia antes.
-Está bem. – digo abanando minha mão na cara dele.
-Sou líder do Team Athenia
 -Err, prazer em conhecê-lo.
-Igualmente. Por que não senta?
-Está bem.
-Como o velho Ultra Magnus da Guarda de Elite, é minha responsabilidade ver se as discussões se resolvem sem...danos importantes para os negócios.
-Onde eu entro nisso?
-Verei isso. Estou indo visitar uma Guarda de Elite local, que faltou ao último encontro da Ministy of Science. Venha comigo, e você verá como nós da Elite resolvemos as coisas sem recorrer a violência...desnecessária.
-Certo! Eu vou passear com você.

Saímos de lá e teríamos que ir a um lugar, mais só tem um problema: Ele é cego. Como vai me levar até lá?

-Você pode me dar uma carona? O Meu carro está no concerto.
-Claro, sem problemas.

Me transformei e ele entrou em mim e começamos a conversar.

-A Ministry of Science tem um depósito nesse bloco. Vamos ver que desculpas eles tem para nos dar.
-OK, e então? O Que são essas conversas de negócios?
-Uma gangue aqui está nos dando problemas. Só sei disso, por que eles estão mais fortes e isso está me dando medo.
-E Onde entro nisso?
-Você é um estranho. Este é o lugar. Venha, me siga.

Como ele sabia do local? Ele disse para eu seguir ele, certo! Isso não vai dar certo.

-Vamos ver...onde está aquela pedrinha?
-Ei, que diabos está fazendo?
-Err...bem, só conferindo, um...ah CALE A BOCA Prime e me siga.
-Está bem.

Nós andamos e entramos em um beco e vimos um monte de humanos correndo.

-Ei, por que esses humanos estão correndo? O Que está havendo?
-Alguma coisa está não está certa. Temos que tomar cuidado...siga-me.

Ele estava correndo e esbarrando nos humanos e olha o que eu vi...uma Katana! Depois eu pego ela e...hahaha, coitado ele bateu a cara na parede e caiu. Nossa, coitado.

-Ei, o que há de errado? Se perdeu? Precisa de uma mão? – pergunta.
-NÃO! Quer dizer, não, eu estava, sabe, sentindo o lugar. Fique perto.
-Está bem.
-Ah, chegamos. Esse é o caminho. Estranho, esse portão deveria estar fechado...Venha comigo.
-Nossa, Isaac...
-O Que está te assustando?

O QUE ESTÁ ME ASSUSTANDO? UM MONTE DE CARROS PEGANDO FOGO E UM MONTE DE CORPOS HUMANOS ESPALHADOS NO CHÃO, É ISSO QUE ME ASSUSTA...

-Ah, desculpe não vi que você está aí deitado.
-Ele está morto. Todos eles estão.
-Os Ministry of Science exterminados?
-AI! Ainda bem que é você Isaac. Eu estava muito assustado, então eu me escondi.
-Já chega! O Que aconteceu aqui?
-Os Quintessons nos surpreenderam, cortaram todos. MERDA, OLHA ELES ALI!

Eu tinha que proteger o Isaac, ele era cego e eu precisava pegar esses caras. Vamos lá. Primeiro, peguei dois caras e aí veio uns carinhas em motos. Atirei nelas e as motos explodiram. Nossa, por essa eu não esperava.

Nossa, ele foi bem no meio do pessoal e eu dando um jeito neles, bem, eu peguei ele e me transformei.

-Temos mais companhia. – digo.

Dei a ré e atropelei os caras, to pouco me fodendo.

-Você contro-la e eu vou mandar eles para o esgoto.

Como ele vai fazer isso? Se ele é cego? Eu não entendo isso.

-CONTINUE GUIANDO QUE EU MANDO ELES PARA O ESGOTO.

Nossa, eu tive que ajudar ele, atirando e os carros explodiram.

-Parece que esse foi o último deles. – digo.
-Obrigado Prime. Você me salvou de eu ter matado todos eles sozinhos. Ok. Vamos voltar para a minha casa. Aqui, um símbolo da Ministry of Science pelo que você fez hoje.

Tá, ganhei o símbolo deles, muito bom. Sabe o que eu quero agora? Sair com minha gatinha Anita. Eu vou lá, hehe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário