Páginas

segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Trans "The Auto" Formers | Episódio 44

Episódio 44 | Salvando á Gordinha

Escrita por | Rafaela Trombini
Produção Executiva de | Ingrid Trombini
Direção de | Rafaela Trombini e Natália Santos

Mais um dia em San Prime e está na hora de encontrar o...o...NOJO!!!! E seu amiguinho Obsidian. Vamos até lá.

-Obsidian, calma cara, deite-se um pouco. Você está muito nervoso.
-Ei, será que você só pensa em putaria? Estamos com um problema, e é muito sério.
-Ei, olhe, é o Groovence Optimus. Agora, sim, posso te chamar, sem o Groove. Vê, agora somos amigos.
-Hah! Você é um estúpido mesmo! Não está vendo que tem alguém em cima de nós. Temos que recuar. Os Vehicons não vão durar muito.
-Desistir? EU SOU MEGATRON E NUNCA DESISTO!!!
-Acho que eles estão tentando a sorte. – digo.
-Ah, Elicia finalmente consegui falar com você. O que? Onde você está? Está bem. Olhe, a minha mulher está com problemas. Vamos lá.
-Que problemas? E Quem é Elicia? – falo como se não a conheço, pois na verdade, eu a conheço e vou ajuda-la e se livrar desses dois.
-Eles pegaram o carregamento de coca, e a van. A Elicia estava na parte traseira dela.
-O Que vamos fazer? – pergunta o nojo, digo, Megatron. – E Como vamos saber onde essa puta gorda está?
-Melhor a gente ir logo. VAMOS LEVANTAR VOO.

Saímos de lá. Megatron disse para ele que não sou um avião?

-VAMOS ANTES QUE MINHA GORDINHA MORRA.
-Venha Optimus.
-Ele não é um veículo voador?
-Não. Os Groovences não voam.
-Calma, minha fofa, estamos indo. Ela disse que está bem em cima de uma construção, ela acha.
-Já sei. Uma construção em Doherty.
-ENTÃO, VAMOS LÁ!

Eu sei onde era. Era a construção que ficava em cima da garagem e também foi onde eu enterrei vivo um humano, mais enfim, lá estava Elicia.

-Agora Elicia ouve barcos.
-Barcos? Deve ser as docas de San Prime. VAMOS LEVANTAR VOO!!!!

Cara, onde será que ela está? Ela não está aqui, então, onde ela está? Nas docas de San Prime, sorte que era perto daqui. Acho que os caras que estavam lá e foram para as docas.

-Beleza, agora eles foram para o aeroporto. – diz Obsidian.
-VAMOS ATÉ O AEROPORTO!!! VAMOS LOGO!!!

Eu tinha que seguir esses panacas voadores. Chegamos lá e finalmente eu posso entrar nessa merda.

-Lá está o portão. – diz Obsidian.
-E Alguns seguranças mortos. – digo.
-Aqui está o lugar. PROCURE POR AQUELA VAN!!!!
-Sim, as etiquetas devem funcionar.
-Que etiquetas? E Que porra é essa? – pergunto.
-Depois da última merda, a Elicia escondeu um comunicador no branquinho. Estávamos tentando de tudo, mais alguma coisa deu errada, agora, temos que usar isso para salvar a minha gordinha.
-Como isso funciona? – pergunto.
-Simples. Quanto mais perto, mais forte é o sinal.

Vamos ver onde era...ACHEI!!! LÁ ESTÁ ELA.

-Lá está a van. VAMOS ATIRAR!!!

Nossa, o nojo usou aquele canhão todo fodido dele e atira nas motos dos carinhas, e mais deles saem e eu os atropelo e pronto, só isso. Nossa, olha o tamanho dessa van cara.

-Optimus?
-Ei, minha linda, conhece esse cara?
-Eu? Nunca vi ele na vida. Obrigado por me salvar meu amor.
-De nada, minha gordinha.
-Obrigado Optimus. – diz ela sussurrando.
-De nada.

Saímos de lá e tínhamos que voltar para o clube de Megatron.

-Cadê o Megs?
-Teve que voltar rápido para o clube.
-Eu já te disse que odeio esse clube?
-Mais é lógico. É um clube de homens.
-Se você se enroscar com uma dessas putas eu...
-Calma, meu amor, eu sou 100% fiel á você.

Chegamos ao clube. Ela queria falar comigo.

-Vem cá Optimus.
-O Que foi Elicia?
-Eu tenho certeza que ele está me traindo com uma dessas putas. Olhe, se você conseguir, pelo menos, matar o Megatron, ficaria feliz.
-Não se preocupe. Farei isso, não só por você, mais por tudo o que ele fez para a minha família.
-Eu tenho que ir. Tchau Optimus.
-Tchau.


Ai, será que eu vou poder sair com a Anita? Acho que sim. Vamos ver se consigo agora, por favor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário